s
arrumando...

Parto Normal! Minha primeira vez!

25 de abril de 2018

De todas as polêmicas da atualidade facebookiana que vivemos hoje, nenhuma me irrita mais do que a Parto Normal X Cesárea. Com o tempo eu fui filtrando esses assuntos no meu feed, mas vira e mexe ele ressurge como agora no nascimento do terceiro filho da Kate Middleton.  Nunca opinei porque, embora eu me sinta realizada como MÃE (de um jovem gato lindo e gostoso, aliás) nunca tive uma gestação nem muito menos pari. Mas agora com toda essa invasão de opinião no feed, queria falar também, mas só uma coisinha bem pequenininha:

PAREM DE JULGAR AS MÃES! 

Parem, gente!…  “Parto Normal é melhor pra você e para o bebê”, ou “Cesárea é comodismo”.  Isso simplesmente não existe! Todo procedimento tem seu risco, mesmo os naturais. Vamos também parar de demonizar a cesárea. O fato do Brasil estar atrás dos outros países na recomendação da OMS não significa que a cesárea é uma coisa abominável. Minha avó morreu em 1945 logo após parir meu pai.   🙁 Tenho certeza que se a cesárea existisse naquela época tudo seria diferente. Há quem considere que o melhor parto é em casa numa piscina de plástico na companhia do filho mais velho e do cachorro, e há quem considere melhor banheira de um hospital mais estruturado para qualquer emergência. Há quem fique 40 horas em trabalho de parto e há quem fique apenas 4….  De quem deve ser a escolha afinal? Minha? Sua? Acho que não. Então por favor, parem de julgar as mães. Apenas ouçam seus relatos, inspirem-se em exemplos, tracem seus objetivos, conversem com seus médicos, e tenha um BOM PARTO! 🙂

Toda essa introdução foi para contar que fotografei um PARTO NORMAL pela primeira vez! Ahhhhh gente, foi tão emocionante!

A Flavinha é amiga da minha prima Marcella e (amante da fotografia)  anos atrás fez meu Workshop comigo. Aí super de repente numa manhã de sexta-feira — HISTÓRICA, diga-se de passagem, dia em que o Lula seria preso —  recebo a ligação: “Flávia tá em trabalho de parto na Perinatal, você pode ir lá fotografar, tipo… AGORA?”

Meeeeeu JESUS AMADO!!! Parece até que eu que entrei em trabalho de parto. Saí catando bateria, uma câmera, umas lentes, ai meu deus… nem tive tempo de pensar, já fiz inúmeras cesáreas e sei como funciona, mas Normal? Que lentes levar pro Parto Normal? Eu não tinha ideia se ia ser na banheira, na cama, na mesa, com luz ou sem luz…. HELP!!! Liguei pra Carol minha salvadora… leva a 24, a 50… e corri… pá pum, cartão check, bateria check, câmeras check…. chama Uber e FUI!!!

Cheguei na Perinatal e na recepção me mandaram direto para o centro cirúrgico porque a Olivia já estava nascendo! Continuei correndo e subindo, cheguei junto com a Flavinha e o Bernardo entrando na sala de parto. Mandaram eu e o pai esperarmos um pouquinho. Foi então quando, ufa, eu e Bernardo nos apresentamos, nos conhecemos e conversamos um pouco. Rs! Enfim um momento “light”, se é que podemos dizer assim, mas a ansiedade continuava a mil…

O pai do Bernardo, sogro da Flávia, vovô da Olívia, é médico e pôde acompanhar a chegada da netinha. Isso deu uma emoção PLUS a mais! Toda a equipe foi muito maravilhosa, simpática, falante e todos estavam muito muito felizes! Ai ai… E então foi fim do dia. Fiz as últimas fotos de todos extasiados com Olivia, meu marido me buscou e fechei a noite com um choppinho na Cobal em comemoração a uma sexta-feira de muita emoção!

Saúde para Olívia!

Comente com Facebook

Comentários

    1 comentário

  • Avatar
    Marcella 30 de abril de 2018
    Reply

    Que fotos lindas!! Que emoção !!! Que bom você chegou a tempo para registrar esse momento tão lindo e inesquecível !! Assim como vc, eu tb estava tensa pela sua chegada no hospital antes da Olívia! Flavinha e Bê estão de parabéns!! A Olivia é mto linda!!

  • Deixe um comentário